O Projecto ROCK apoiou a edição do livro Lisboa a Oriente. Roteiro Cultural, apresentado no dia 4 de julho no espaço Gate 67 (Rua da Manutenção 67, Beato)  num evento que contou com a presença da Vereadora da Cultura, Catarina Vaz Pinto, do presidente da Junta de Freguesia do Beato, Silvino Correia. O guia teve origem num projeto do Orçamento Participativo submetido com o objetivo de valorizar e divulgar  o património e a dinâmica cultural do eixo entre Santa Apolónia e o Parque das Nações. Percorrendo o território de quatro freguesias de Lisboa –   São Vicente, Penha de França, Beato e Marvila –  o roteiro mostra uma zona em profunda mudança, onde se prevê que emerja uma nova centralidade.

Este processo de transformação é um bom exemplo da evolução orgânica das cidades. Entre as remanescências dos antigos palacetes, quintas e conventos que, até ao século XVIII, marcavam a paisagem periférica da capital, cresceram, nos industrializados séculos XIX e XX, fábricas, armazéns, oficinas e vilas operárias, em declínio a partir dos anos 1980. Nas suas ruínas nascem hoje indústrias criativas, incubadoras, ateliês, galerias, bares, restaurantes, oficinas de coworking e espaços culturais independentes.

O guia Lisboa a Oriente. Roteiro Cultural fixa este momento de mudança, em que vestígios e traços do passado coexistem com novas realidades. O património arquitetónico e natural, os equipamentos culturais e a dinâmica gerada pelos espaços de lazer e de consumo surgem elencados nos sete percursos propostos neste livro. Com contributos de jornalistas, historiadores, geógrafos e investigadores,  e ilustrações dos Urban Sketchers, este roteiro estará brevemente disponível nas livrarias em duas versões: português e inglês.

Ver mais em https://player.vimeo.com/video/346483081

#ROCKlisboa#ROCKproject